11 de outubro Fundação do Mato Grosso do Sul

Esse processo ocorreu no dia 11 de outubro de 1977 com a sanção presidencial de Ernesto Geisel

11 OUT 2019Por Rosa Barros10h27

Com o processo de divisão do estado do Mato Groso em duas unidades federativas, ocorreu a fundação do Mato Grosso do Sul.

Esse processo ocorreu no dia 11 de outubro de 1977 com a sanção presidencial de Ernesto Geisel, que governava o Brasil desde 1964.

Cultura

A cultura sul-mato-grossense é reflexo da diversidade de povos que habitam o local. As principais influências são dos vizinhos paraguaios e bolivianos. Também é marcante a presença de gaúchos que abriram fronteiras e criaram cidades na região.

Está no Mato Grosso do Sul a terceira maior colônia japonesa do País.

Os pratos típicos sul-mato-grossenses são o churrasco, de influência gaúcha; a sopa paraguaia e o pucheiro, do interior do Paraguai; a saltenha, da Bolívia e o sobá, do Japão.

De influência paraguaia, o tereré está presente na maioria das cidades.

A bebida consiste em mate gelado, que pode ser tomado puro ou com adição de ervas aromáticas e limão.

Povos Indígenas

O estado também abriga a segunda maior população indígena do País. A maior população é formada por guaranis, que vivem na região de Dourados. Há, ainda, os terena, guató e kadiwéu. Esses últimos lutaram na guerra do Paraguai e receberam terras da União localizadas entre os municípios de Bodoquena e Porto Murtinho.

A questão indígena sul-mato-grossense recebe atenção mundial. 

Turismo

A maior atração turística do estado é o Pantanal. Com cerca de 250 mil quilômetros quadrados, é a maior planície inundada do mundo.

No Pantanal vivem cerca de 1,1 mil espécies de borboletas, 650 de aves, 120 de mamíferos, e 263 de peixes. Entre os animais de grande porte estão as onças-pintadas, antas, tamanduás e jacarés. Das cerca de 90 espécies de peixes, destaca-se a sucuri, uma cobra cujo comprimento pode ultrapassar 10 metros.

A diversidade biológica e a riqueza de paisagens naturais são comuns em praticamente todo o estado. E a oferta das riquezas naturais é fonte de exploração do ecoturismo, uma das atividades econômicas que mais emprega na região.

O município de Bonito é uma das cidades de maior oferta para estrutura ecoturística. Suas grutas, balneários e nascentes atraem milhares de turistas todos os anos.

Deixe seu Comentário

Leia Também