MS cai para a quinta colocação no ranking nacional de rebanhos bovinos em 2019

Número de bovinos do estado registrou queda de 7% em relação a 2018

16 OUT 2020Por Fonte: IBGE14h18

Pesquisa da Pecuária Municipal divulgada nesta quinta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revela que, enquanto o rebanho bovino brasileiro cresceu 0,4% em 2019, alcançando a marca de 214,7 milhões de cabeças de gado, Mato Grosso do Sul fechou o ano passado com uma redução de 7,12% no rebanho, totalizando 19.407.908 milhões de cabeças.

Segundo a pesquisa divulgada pelo IBGE nesta quinta-feira (15), os estados de Mato Grosso, Goiás, Minas Gerais e Pará – que ultrapassou MS em 2019 – apresentaram aumento dos rebanhos, enquanto o plantel de Mato Grosso do Sul diminuiu. Mato Grosso lidera o ranking com 31.739.896 animais, seguido por Goiás com 22.785.151, Minas Gerais com 22.020.979 cabeças e Pará, que ultrapassou MS em 2019, alcançando a marca de 20.881.204 cabeças.

Apesar da retração no tamanho do plantel, o rebanho de MS ainda representa,  proporcionalmente, quase sete vezes o número de habitantes do estado, que segundo o IBGE, hoje seria de 2.809.394 pessoas.

Deixe seu Comentário

Leia Também