Grato a Sidrolândia, Enelvo define ações do mandato

Enelvo vai substitui o deputado e correligionário do PSDB, Flávio Kayatt, que teve seu nome aprovado para o Conselho Deliberativo do Tribunal de Contas (TCE-MS).

09 NOV 2017Por Radio Jota FM19h06
Gaúcho de Passo Fundo, 63 anos, mas com a maior parte de sua vida dedicada a Mato Grosso do Sul e, particularmente, ao povo sidrolandense, Enelvo Iradi Felini aguarda somente a convocação da Assembleia Legislativa para assumir, oficalmente, uma das 24 cadeiras de deputado estadual. Em entrevista à Rádio Pindorama FM, ele se declarou feliz e orgulhoso por entrar na história como primeiro parlamentar estadual com base domiciliar e profissional em Sidrolândia.
 
"Não tenho outra palavra a expressar senão a de gratidão. Sou grato a esta gente que me acolheu com tanto carinho, que me deu a oportunidade de ser prefeito três vezes, sendo governante em duas delas, me ajudou a presidir a Assciação dos Municípios e agora me traz para mais este honroso desafio", afirmou. "Só posso garantir que farei tudo o que fiz até hoje, mas com empenho renovado e trabalhando ainda mais, na busca de qualidade de vida e de conquistas que possam retribuir o que tenho recebdo", completou.
 
Enelvo vai substitui o deputado e correligionário do PSDB, Flávio Kayatt, que teve seu nome aprovado para o Conselho Deliberativo do Tribunal de Contas (TCE-MS). A posse ainda não tem data marcada e deve acontecer até o final do mês. Enelvo conquistou a suplência nas eleições de 2014, quando obteve 9.532 votos e foi o 40º colocado. Ponto diferenciado de seu desempenho foi o maciço apoio do eleitorado sidrolandense, que lhe garantiu mais de 30% dos votos do Município.
 
Prefeito em duas gestões - faria uma terceira, mas sua candidatura, mesmo vitoriosa, acabou obstruída pela Justiça Eleitoral -, Enelvo Felini é o atual diretor-presidente da Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer) desde o início do governo de Reinaldo Azambuja (PSDB). Vai dexar um órgão reestruturado e importantes resultados, entre os quais a regularização cartrial dos assentamentos do Estado. "A Agraer dispõe de um time técnico de excelente qualidade. Saio de lá  com todos os assentamentos dentro do cartório fazendo as escrituras. Reinaldo Azambuja será o governador que mais terá entregue titulos estaduais aos produtores rurais", comemora.
 
FUTURO - Sobre o futuro Enelvo Felini é bem objetivo. "Vamos cuidar com carinho do mandato, andando passo a passo e respeitando as prioridades", avisa. "É evidente quehá demandas de primeira necessidade: a agricultura familiar, a geração de emprego, incentivo aos segmentos produtivos da cidade e do campo, atraçã de investimentos, saúde, educação e qualificação profissional e a busca de infraestrutura são determinantes", descreve. 
 
Enelvo Felini ressalta o potencial de Sidrolândia e diz estar focado nas demandas que acompanham esse crescmento: "Já somos a sexta maor cidade do Estado e em mais dez anos podemos chegar a 70 mil habitantes. Estamos crescendo, com qualidade de vida, sem favelas, porém precisamos ter infraestruura e planejaento para que o crescimento não nos atropele e acumle as demandas". 
 
Ao salientar que seguirá "trabalhando duro", levantando sempre às seis da manhã, Felini admite que os frutos de seu mandato vão contar muito na campanha pela reeleição. Sobre as eleições municipais de 2020, garante ser cedo para pensar nisso, mas o PSDB vai participar com candidato próprio ou alianças, embora isso não signifique qualquer tipo de ação para atrapalhar a atualadministração. "Ao contrário, vamos colaborar. O bem-estar do povo e o progresso de Sidrolândia são o mais importante. Não somos da tese do quanto pior melhor", afiança. 
 
Enelvo cita o asfalto de Capão Seco e novos empreendimentos, entre os quais o frigorífico que vai gerar 300 empregos, como sinais de trabalho responsável e sério de quem acredita na região e constrói as melhores parcerias em busca desses objetvos. "É assim que atua o PSDB. O prefeito Ari Basso tiha pedido, nós reforçamos e o governador Reinaldo já atendeu, está repassando R$ 411 mil paracascalhar o acesso paalelo ao frigorífico. Com isso, os animas não precisarão mais passar pelo centro da cidade. Providência essencial", enfatiza.
assembleia 1

Deixe seu Comentário

Leia Também